Discurso Directo.

"O céu agora está completamente escuro, a luz do sol morreu e nem tenho a lua para o espelhar. Afinal, içar âncora deste sonho não é partir para construir outra realidade, é apenas regressar"

~Pai

domingo, 17 de outubro de 2010

(1)

Ás vezes ponho-me a pensar: Será isto mesmo necessário?
Mas porque é que me questiono, é que eu não sei.
Para vos proteger, para te proteger a ti.
Para vos fazer felizes, para não te fazer chorar.
Porque eu apenas mato, não sei já dizer que não consigo.
Vocês já não me vêem como aquele que permanece inocente neste mundo em que reina a crueldade.
Apenas tu me vês chorar, após todas as mortes.
Apenas tu me consolas, pois tenho que ser forte.
Avanço, então, em direcção ao encontro mortal, talvez.
...
Perdoem-me.
Perdoem-me por tudo.

Sem comentários:

Enviar um comentário