Discurso Directo.

"O céu agora está completamente escuro, a luz do sol morreu e nem tenho a lua para o espelhar. Afinal, içar âncora deste sonho não é partir para construir outra realidade, é apenas regressar"

~Pai

sábado, 23 de janeiro de 2010

Obrigado


Os gritos.
As lágrimas.
As discussões.
As promessas.
As mentiras.
Os pesadelos.
São levados, por ti,
Para um lugar distante,
Para um lugar longe daqui.
Contigo eu consigo respirar.
Contigo eu abri os olhos,
Para a vida que me rodeia.
Vi toda a gente que me suporta,
Que me apoia,
Que me salvou.
Obrigado.
Obrigado.
Obrigado.
Obrigado.
Obrigado.
Teria de dizer "Obrigado" até morrer,
Para te agradecer,
Para te compensar.
Finalmente a minha vida começou.

(Dedico este texto a toda a gente que me apoiou, que esteve cá para mim nos momentos mais difíceis. Muito obrigado...)

1 comentário: