Discurso Directo.

"O céu agora está completamente escuro, a luz do sol morreu e nem tenho a lua para o espelhar. Afinal, içar âncora deste sonho não é partir para construir outra realidade, é apenas regressar"

~Pai

quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

Falta-me tempo


Falta-me tempo para olhar.
Olhar com olhos de ver.
Falta-me tempo para chorar.
Chorar todas as lágrimas.
Falta-me tempo para amar.
Amar quem me ama a mim.
Falta-me tempo.
Mais um dia.
Mais um ano.
As experiências vividas até agora.
Os momentos gravados na memória.
A dor trancada no coração.
As amizades travadas.
Um dia em tantos.
Talvez hoje.
Talvez amanhã.
Porque não?

Sem comentários:

Enviar um comentário